sábado, 12 de janeiro de 2013

Patrão de Cordas de Albino Fernandes - Hélder Andrade








Texto e fotografia: Pedro Correia





Desde 1967, ano de fundação da ganadaria Casa Agrícola José Albino Fernandes, já devem ter passado vários homens na primeira posição da corda.







Hélder Andrade, natural da cidade Praia da Vitória na ilha Terceira, é actualmente o comandante das cordas dos toiros de ferro JAF. O seu grande conhecimento do toiro, sua idade de 32 anos, agilidade e serenidade, faz parecer fácil a forma como lida com as reses bravas em qualquer que seja o lugar onde se encontram (mato, estradas ou praça).






De acordo com os ganadeiros Fátima Ferreira e António Ferreira, a posição que Hélder Andrade ocupa na corda da Casa Agrícola José Albino Fernandes, bem como o gosto que nutre por esta casa e pelo gado bravo da terra, faz deste pastor, um grande e imprescindível colaborador desta ganadaria terceirense, considerada por muitos como rainha das touradas à corda.






A segurança e confiança cabal, de que Hélder Andrade está dotado durante o maneio do gado bravo, faz com que o seu trabalho seja muito apreciado por colegas, ganadeiros e aficionados. Sendo assim, pode-se afirmar que Hélder Andrade é um grande pastor de toiros bravos!






Por fim, dedicamos esta fotografia ao Hélder Andrade, pelas qualidades pessoais e profissionais que possui. – Hélder, esta fotografia tirada no arraial de S. Carlos em 2012, vai para ti!




Agradecimentos:

À autorização da publicação da imagem por Hélder Andrade e à Sra. Fátima Albino Ferreira, proprietária da ganadaria Casa Agrícola José Albino Fernandes pela informação disponibilizada.
 

8 comentários:

  1. Para mim é um grande pastor o (MELHOR)um grande Homem e um grande amigo acima de td, bem aja Helder...

    ResponderExcluir
  2. em 1967 foi quando o sr jose albino fernades vendeu os toiros ao sr. manuel almeida e foi para os estados unidos a procura de dollors quando voltou comprou os toiros aos herdeiros de manuel almeida <OS TWINS como lhes chamam julgo em 1972 portanto nao queiram esconder os anos que a ganadaria pertenceu ao sr. almeida isso e' crime
    lol

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. A ganadaria Casa Agrícola José Albino Fernandes é fundada em outubro de 1967 por José Albino Fernandes, ao adquirir vacas e toiros ao ganadero Virgílio Barcelos e a uma família das Dozes Ribeiras, que possuía gado da antiga ganadaria Tomáz de Borba. Ainda no mesmo ano, adquirir mais reses às ganadarias continentais António Antunes Barbeiro, Plácido de Boavista e António Lampreia.
    Em outubro de 1971, José Albino Fernandes adquiriu aos Herdeiros de Manuel Almeida Jr. a ganadaria que havia pertencido a seu pai José Diniz Fernandes, sendo que em novembro do mesmo ano também adquiriu a ganadaria de Castro Parreira aos seus herdeiros.
    Para mais informações poderá consultar o livro “Ganadaria da Ilha Terceira – Casa Agrícola José Albino Fernandes”, assim como o blog: http://www.ganadariajosealbinofernandes.com, ou o antigo site da Associação Regional de Criadores da Tourada à corda http://www.toiroscorda.com/antigo/.
    Com os melhores cumprimentos.

    ResponderExcluir
  5. cara susana voce esta a falar pelos livros mas os livros so tem o que lhes escrevem para que uma mentira contada muita vez passe a ser verdade
    esses toiros toudos que fala onde o sr. jose albino fernandes os meteu na sala de jantar de no quarto de cama onde ele teve esses toiros a C.A.J.A.F pode existir desde 1967 nos papeis em toiros e ganadaria e' falso

    ResponderExcluir
  6. Cara Susana Ferreira,

    Agradecemos a sua participação no blog Toiros & Açores com a informação que disponibilizou, pois entendemos que a partilha de informação é uma mais valia para todos.

    A informação que está no seu comentário é do nosso conhecimento e grande parte dessa mesma informação deu origem a um texto publicado neste blog, como pode verificar se aceder ao link http://toiroseacores.blogspot.pt/2012/06/ganadaria-casa-agricola-jose-albino.html. Este é um dos artigos mais vistos do blog, juntamente com o de outras ganadarias açorianas.



    Com os melhores cumprimentos,

    O administrador do blog Toiros & Açores

    ResponderExcluir
  7. Em resposta ao comentário publicado a 14 de Janeiro de 2013 14:38 por um visitante não identificado:

    Caro(a) visitante,

    Antes de tecer qualquer tipo de reação ao seu comentário, deixo claro que é com todo o gosto que recebemos comentários dos visitantes da página Toiros & Açores. Contudo, chamamos a atenção para os comentários que são expostos. Alertamos que comentários que induzam o inicio de discussões menos próprias, serão eliminados. Entendemos que as ideias podem ser expostas, todavia devem ser cuidadas.

    Agradecemos a vossa compreensão

    Com os melhores cumprimentos,

    O administrador do blog Toiros & Açores

    ResponderExcluir
  8. José Diniz Fernandes vendeu a sua ganadaria em Maio de 1967 e ficou com os seus prédios do Cabrito e Pico da Cruz, por isso o filho José Albino Fernandes, quando iniciou a sua ganadaria, em Outubro de 1967, este gado pastava no Pico da Cruz, nas Fajãs, aí até construiu uma cadeia, para colocar gado que lhe desse problemas, inclusive cheguei a ir levar e a fazer os pagamentos a quem levantou as paredes, os Ratinhos que moravam no Porto Judeu. Ninguém esconde a verdade, mas os acontecimentos são verdadeiros.

    ResponderExcluir